Pesquisar este blog

Páginas

quarta-feira, 16 de março de 2016

MUNDOS DE PROVAS E EXPIACOES

Mundos de Provas e Expiações
  Rita Foelker

Nem sempre é fácil aguentar firme.
Nem sempre é fácil compreender as pessoas.

Nem sempre é fácil perdoar.
Problemas nem sempre são fáceis de se resolver.

Situações adversas nem sempre são fáceis de se aceitar.

Ora, não podia ser tudo mais fácil nesta vida? Às vezes, sobrevêm o desânimo e desistimos de realizações importantes quando topamos com os obstáculos.

E é interessante observar que, se o tipo de obstáculo varia de ser humano para ser humano, todos atravessamos estes momentos em que trombamos com nossas próprias limitações, com o limite de nossa paciência, com o limite da nossa fé, da nossa compreensão ou das nossas forças morais; momentos estes em que a vida nos experimenta onde somos mais vulneráveis, naquilo que consideramos mais difícil.

Quando a vida nos lança diante da dificuldade ela está, na verdade, cumprindo o que Deus determinou.
Dizem os Espíritos que a Terra é um mundo de provas e expiações. Quer dizer que a maioria dos Espíritos que aqui encarnam, ou estão buscando provar a si mesmos nas lutas cotidianas, ou estão reparando as faltas cometidas diante da Lei Divina ou, o que é mais comum, fazendo simultaneamente as duas coisas.

Se a vida não fosse difícil, não seria prova. Não se dá ao estudante universitário um exame da 1ª série do 1º Grau. Ele é sempre exigido nos conhecimentos compatíveis com os estudos.

O Espírito imortal busca, em cada encarnação, os meios de evoluir e nós só evoluímos quando superamos a nós mesmos, tornando-nos seres melhores hoje do que éramos ontem, melhores em conhecimento e em capacidade de amar.

Um aluno da universidade acha fácil o exame da 1ª série. Mas se passasse a vida toda fazendo provas da 1ª série, jamais teria chegado à universidade! Cada prova o habilita a estágios mais avançados.

Na escola da vida, ocorre o mesmo.
Perante situações difíceis somos, não raro levados a supervalorizá-las, a achar que são muito maiores do que realmente são.

Contudo, o Pai nunca nos desampara. Se olharmos bem para o conjunto de circunstâncias que compõem a nossa vida e a vida dos que nos cercam, veremos que elas estão cheias de bênçãos que formam um contrapeso para as dificuldades que nos afligem.

Muito embora o fardo pareça pesado, ele tem o peso exato das nossas necessidades evolutivas e, se foi colocado sobre nossos ombros, é porque Deus identifica em nós condições suficientes para conduzi-lo.

Se somos freqüentemente tentados a fugir das dificuldades, podemos trocar a palavra "dificuldade" por "desafio".

A vida nos desafia a mostrarmos do que somos capazes.

Num dia destes, pode até ser que ela nos surpreenda, fazendo-nos ver que agüentamos mais do que pensávamos agüentar, que fomos mais longe do que imaginávamos poder ir, que superamos nossas fraquezas e, como conseqüência, nos fortalecemos.

Empurrando nossos limites cada vez mais para frente: é assim que o progresso acontece.