Pesquisar este blog

Páginas

quarta-feira, 27 de maio de 2015

4 l XXII  COMEERJ
Pólo IV  Cafarnaum
8º CRE  Nova Friburgo

Filosofia Materialista
Define o educando como um ser biológico, que vai desenvolver as suas potencialidades intelecto-morais, através de um trabalho mental, com sede no cérebro, potencialidades estas que variam, de indivíduo para indivíduo.
Como esta Filosofia está baseada no raciocínio de que o homem só vive uma única existência, que se extingue com a morte, a Educação visará somente munir o ser de conhecimentos para que tenha uma profissão rendosa, buscando apenas atender aos valores imediatista da vida.

Filosofia da Unicidade das Existências

Esta filosofia defende a idéia de que o educando é um ser que possui uma alma, criada por Deus no momento do seu nascimento, cujo destino, após a morte, dependerá das suas ações boas ou más, destino esse que será eterno.
Dentro deste raciocínio, a Educação nem sempre atingirá seus objetivos, porque o educando, não encontrando respostas para diversas questões, principalmente as que dizem respeito às desigualdades sociais, aos sofrimentos sem causa aparente, não se sentirá propenso à prática do bem, questionando inclusive a bondade e justiça de Deus.

Filosofia Reencarnacionista

As doutrinas reencarnacionistas, principalmente a Espírita, dão um enfoque diferente, conceituando o educando como um ser espiritual, imortal, que preexiste ao corpo físico e, após o fenômeno da morte, fica um período no mundo espiritual, até novamente retornar ao mundo corpóreo, por intermédio de uma nova encarnação.
Criados simples e ignorantes, os Espíritos encarnam com a finalidade de atingirem à absoluta perfeição moral, ao estado de Espírito Puro. Para cumprir este mister, é necessário fazer crescer as duas asas: a do amor, através do desenvolvimento do senso moral; e a do saber, pelo aculturamento do ser imortal, e para tanto dispõe do tempo necessário nos diversos estágios reencarnatórios.
Emmanuel, na questão 204 do livro O Consolador, assim se expressa:
O sentimento e a sabedoria são duas asas com que a alma se elevará para a perfeição infinita.
No círculo acanhado do orbe terrestre amos são classificados como adiantamento intelectual, mas, como estamos examinando os valores propriamente do mundo, em particular, devemos reconhecer que ambos são imprescindíveis ao progresso, sendo justo, porém, considerar a superioridade do primeiro sobre o segundo, porquanto a parte intelectual sem a moral pode oferecer numerosas perspectivas de queda, na repetição das experiências, enquanto que o avanço moral jamais será excessivo, representando o núcleo mais importante das energias evolutivas.
Para realizar este crescimento, o Espírito terá necessidade de receber certas informações e experiências de outros seres que já as adquiriram e vivenciaram. Este o papel da Educação.
Em visto disso, o processo educacional pode ser desenvolvido nas diversas fases da vida física (infância, adolescência, mocidade e madureza) e continuada após a desencarnação, no mundo espiritual, já que na lei de Deus só existe um determinismo  a Lei do Progresso.
No livro O Mestre na Educação, Vinícius ao enfocar o assunto, no capítulo intitulado Educação, assim se expressou:
Enquanto os homens persistirem no erro de colocar em primeiro lugar o corpo, nada de que o corpo depende estará acautelado e seguro.
Logo, porém, que o Espírito esteja acima da matéria, a razão acima do estômago e o sentimento acima dos interesses, os problemas da vida humana terão pronta solução. Este critério está de acordo com as seguintes palavras daquele que é a luz do mundo: Buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça; tudo o mais vos serão dado de graça e por acréscimo.
Por isso, e para terminar este capítulo, repetimos as sábias palavras do Espírito André Luiz:

A EDUCAÇÃO DA ALAMA É A ALMA DA EDUCAÇÃO.

Homem é espírito eterno.
Seu corpo é vestuário
Que a alma usa na Terra,
Em caráter temporário.
José Fuzeira

(Do livro Trovas de Sombra e de Luz).
Do Livro: A Educação à Luz do Espiritismo.
- Lydienio Barreto de Menezes.

-- x --