Pesquisar este blog

Páginas

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Aprendendo com o Sol

 
APRENDENDO COM O SOL

Querida criança,
O Sol, quando se põe, não deixa de existir
Continua a iluminar o outro lado do mundo
Assim também é a vida, que existe no porvir
Prova do amor de Deus: terno, eterno e profundo
 
Amanhece mais um dia
Sob a luz do grande Sol,
Traz-nos suave energia,
Guia-nos como farol.
 
Essa imponente estrela
Ensina-nos a viver,
Acende como centelha
A chama do alvorecer
 
Ilumina a natureza,
Aquece a criança amada,
Revela toda a beleza
Da Terra, nossa morada.
 
Saibamos com o Sol amigo
Iluminar e servir,
Amando o planeta-abrigo
Confiando no porvir.
 
E quando o Sol se põe,
Ao entardecer da vida,
Lembremos o que expõe
A ciência já aprendida.
 
O Sol segue a iluminar
A outra face não vista,
Permanece a trabalhar
Em todo lugar que exista!
 
Nós somos pequenos sóis,
Buscando a evolução,
Nascendo e nos pondo após
O tempo da encarnação.
 
Levamos nos corações
Todo o amor conquistado,
Memórias e emoções,
Histórias e aprendizado.
 
Lembremos o ensinamento
Do nosso Mestre Jesus,
Buscando, em todo momento,
Viver o amor, nossa luz.
 
Miriam Lúcia H. Massoti Dusi

N.A.: Essa singela contribuição surgiu com a intenção de auxiliar os pequenos corações a compreenderem a continuidade da Vida, após a desencarnação. Considerando que a mente infantil percebe e compreende mais facilmente o movimento do Sol, quando comparado à Terra, utilizou-se da metáfora do imponente Astro, que ilumina e serve, incessantemente.

Fonte: REFORMADOR de novembro/2014, página 37 [675].