Pesquisar este blog

Páginas

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

OBRAS DE ANDRÉ LUIZ CITAÇÕES POR TEMA 26

OBRAS DE ANDRÉ LUIZ  CITAÇÕES POR TEMA 26

TEMAS TRATADOS


INGRATIDÃO


(Entidade infeliz com peso na consciência por ter sido ingrata com sua mãe pobre que a criou com muito sacrifício. Quando conseguiu posição social, expulsou sua mãe de casa, por envergonhasse dela, alegando que se tratava de uma ladra). AR-4-50.


INSTINTO


Considerações

Se, no círculo humano, a inteligência é seguida pela razão e a razão pela responsabilidade, (...) na retaguarda do transformismo, o reflexo precede o instinto, tanto quanto o instinto precede as atividades refletidas, que é à base da inteligência. EDM-1P-4-39.


Instinto Sexual


O instinto sexual, para coroar-se com as glórias do êxtase, há que se dobrar aos imperativos da responsabilidade, às exigências da disciplina, aos ditames da renúncia. NMM-11-158.

O instinto sexual vem das profundezas, para nós ainda inabordáveis, da vida, quando agrupamento de mônadas celestes se reuniu magneticamente um ás outras para a obra multimilenária da evolução. EDM-2P-18-141.


INTELIGÊNCIA


Se, no círculo humano, a inteligência é seguida pela razão e a razão pela responsabilidade, (...) na retaguarda do transformismo, o reflexo precede o instinto, tanto quanto o instinto precede as atividades refletidas, que é à base da inteligência. EDM-1P-4-39.


INTERCÂMBIO MEDIÚNICO


Por que a doutrinação em ambiente dos encarnados? (indagou André Luiz). As atividades de regeneração em nossa colônia estão repletas de institutos consagrados à caridade fraternal, no setor de iluminação (doutrinação) dos transviados. Em determinados casos, porém, a cooperação do magnetismo humano pode influir mais intensamente, em benefício dos necessitados que se encontrem cativos das zonas de sensação, na crosta do mundo. Valemo-nos do concurso de médiuns e doutrinadores humanos, não só para facilitar a solução desejada, senão também para proporcionar ensinamentos vivos aos companheiros envolvidos na carne, despertando-lhes o coração para a espiritualização. Ajudando as entidades em desequilíbrios e ajudarão a si mesmo; doutrinando, acabarão igualmente doutrinados. ML-17-280.

É da lei que a sabedoria socorra a ignorância, que os melhores ajudem aos menos bons (piores). Os homens, cooperando com os espíritos esclarecidos e benevolentes, atraem simpatias preciosas para a vida espiritual, e as entidades amigas, auxiliando os reencarnados estarão construindo facilidades para o dia de amanhã, quando de volta à lide terrestre. NDM-18-173.


INVOCAÇÃO


As imagens contidas nas palestras (conversas) incidem sobre a mente do desencarnado (Dimas). Não somente as imagens. Por vezes, nossos amigos presentes, fecunda nas conversações sem proveito, exumem (desenterram), com tamanho calor, a lembrança de certos fatos que trazem até aqui alguns dos protagonistas já desencarnados. (velório de Dimas). OVE-14-219/223.

Pires (Leonardo Pires desencarnados) ergueu para o teto os punhos retesos, ensaiou alguns passos no recinto estreito e passou a clamar Esteves (encarnação atual de Mário Silva), homem ou diabo, onde estiveres, em mim ou fora de mim, corporifica-te e vem! Sob a positiva invocação de Leonardo Pires, Esteves, parcialmente liberto pelo sono, compareceu ao desafeto. (são aqueles prováveis pesadelos que nós, às vezes, sofremos). ETC-14-90.

(...) Simpática senhora monologava um pensamento Meu filho! Meu filho! Se você não está morto, visite-me! Venha! Estou morrendo de saudade, de angústia. (...) Um rapaz desencarnado apresentou-se em lastimáveis condições e para a triste mulher, dominado por invencível atração. Mãe! Mãe! Gritou de joelho. (...) A matrona não lhe via a figura agonizada, contudo, registrava-lhe a presença. (o referido rapaz desencarnou por suicídio há alguns meses). NDM-18-174.

Este é um infortunado filho de nossa venerada amiga. (enferma no leito de morte). Teve a infelicidade de chafurdar (atolar) no vicio da embriaguez e foi assassinado numa noite de extravagância. A genitora, porém, dele se recorda como a um herói, e, a evocá-lo incessantemente, retém o infeliz ao pé do próprio leito. NDM-20-190.

(Marita) mecanicamente, implorava ao espírito materno a abençoasse, fortificasse, protegesse. Conquanto sem qualquer idéia religiosa definida, formulava prece muda, que valia por funda invocação. Intentávamos consolá-la, buscando asserenar-lhe a mente, quando duas senhoras desencarnadas penetraram no quarto, de improviso. Das recém-chegadas, a que nos pareceu menos experiente adiantou-se para a menina (Marita) em oração. (...) era Aracéia, amparada pela doce afeição de venerável amiga, ali estava, diante de nós! Mãe amorosa vinha talvez de muito longe para acudir às angústias da filha. SD-1P-10-115.


JUSTIÇA


Não olvide (esqueça) que a justiça institui a ordem universal, mas só o amor dilata a obra divina. AC-49-152.

É possível que buscando a justiça em nosso favor, estejamos cristalizando a cegueira do egoísmo em nosso próprio coração. ETC-31-197.

Da justiça ninguém fugirá, mesmo porque a nossa vida, aspira a resgatar dignamente todos os débitos de que se onerou (endividou-se) perante a bondade de Deus. AR-7-93.


LAR


Na Espiritualidade

(...) Fui (diz André Luiz) fraternalmente levado (por Tobias) à residência dele. (...) Logo na entrada, apresentou-me duas senhoras, uma já idosa e outra bordejando a madureza. Esclareceu (Tobias) que esta era sua esposa e aquela, irmã. Luciana e Hilda, afáveis e delicadas, primaram em gentilezas. (Tobias vivia com duas ex-esposas porque também fora casado com Luciana quando Hilda morreu com o nascimento do 2º filho). NL-38-207


Na Terra

No lar terrestre, com raras exceções, os cônjuges estão ainda a mondar o terreno dos sentimentos invadido pelas ervas amargas da vaidade pessoal e povoado de monstros do ciúme e do egoísmo. (esclarecimento da senhora Laura, mãe do enfermeiro Lísias, companheiro de trabalho de André Luiz). NL-20-110.

O lar é como se fora um ângulo reto nas linhas do plano da evolução divina. A reta vertical é o sentimento feminino, envolvido nas inspirações criadoras da vida. A reta horizontal é o sentimento masculino, em marcha de realizações no campo do progresso comum. O lar é o sagrado vértice onde o homem e a mulher se encontram para o entendimento indispensável. É templo, onde as criaturas devem unir-se espiritual e antes que corporalmente. NL-20-111.

O mundo pode fabricar novas indústrias, novos arranha-céus, erguer estátuas e cidades, mas sem a bênção do lar, nuca haverá felicidade verdadeira. OM-37-194.

O Lar não é somente a moradia dos corpos, mas, acima de tudo, a residência das almas. ML-6-64.

(...) Grandes ensinamentos do próprio Mestre foram ministrados no seio da família. A primeira instituição visível do Cristianismo foi o lar pobre de Simão Pedro em Cafarnaum. ML-8-84.

O Lar terrestre é bendito forja de redenção. O instituto doméstico, legitimamente considerado, é celeiro de supremos valores educativos para quantos procurem os interesses divinos, acima das cogitações humanas. OVE-9-149.

A família é uma reunião espiritual no tempo, e, por isto mesmo, o lar é um santuário. Muitas vezes, mormente na Terra, vários de seus componentes se afastam da sintonia com os mais altos objetivos da vida; todavia, quando dois ou três de seus membros aprendem a grandeza das suas probabilidades de elevação, congregando-se intimamente para as realizações do espírito eterno, são de esperar maravilhosas edificações. NMM-8-109.

O lar não é apenas o domicilio dos corpos (...) É o ninho das almas, em cujo doce aconchego desenvolvemos as asas, que nos transportarão aos cumes da glória eterna. ETC-24-150.

Identifiquemos no lar humano o caminho de nossa regeneração. A família consanguínea na Terra é o microcosmo de obrigações salvadoras em que nos habitamos para o serviço à família maior que se constitui da humanidade inteira. ETC-39-258.

O parente necessitado de tolerância e carinho representa o ponto difícil que nos cabe vencer, valendo-nos dele para melhorar-nos em humildade e compreensão. Um pai incompreensivo, um esposo áspero ou um filho de condução inquietante simbolizam linhas de lutas benéficas, em que podemos exercitar a paciência, a doçura e o devotamento até ao sacrifício. ETC-39-258.

O lar é uma escola em que as almas se reaproximam para o serviço da sua própria regeneração, com vistas ao aprimoramento que nos cabe apresentar de futuro. Você ignora que no educandário há professores e alunos? Desconhece que os melhores devem ajudar aos menos bons (piores)? NDM-20-194.

Correia (Adelino Correia) (...) por haver arruinado o lar paterno, casou-se e padeceu o abandono da companheira que lhe não entendem o coração. (...) Atraiu para junto de si, como filha da carne, (Marisa), a antiga madrasta que desviou dos braços paternais (...). Recolheu como filhos adotivos os dois cúmplices do parricídio tremendo, os antigos capatazes, Antonio e Lucídio. (a família de Adelino Correia em resgate de débitos do passado). AR-16-221.