Pesquisar este blog

Páginas

terça-feira, 2 de junho de 2015

CENTRO DE ORIENTAÇÃO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA

CURSO DE ORIENTAÇÃO E EDUCAÇÃO MEDIÚNICA  COEM II

SOCIEDADE ESPÍRITA 21-30

2a. PARTE - RESUMOS DAS UNIDADES

UNIDADE PRÁTICA 11 - MECÂNICA DO PASSE

ROTEIRO

* O passe espírita

* Mecanismos envolvidos

* Finalidades M-175,176; CVV-153; EM-26,27; PN44; SM67; RDE; Em.

O passe é uma transfusão de energias psíquicas e espirituais, isto é, a passagem de um para outro indivíduo de certa quantidade de energias fluídicas vitais (psíquicas) ou espirituais propriamente ditas.

Há pessoas que têm uma capacidade de maior absorção e armazenamento dessas energias que emanam do

Fluido Cósmico Universal e da própria intimidade do Espírito.

Tal requisito as coloca em condições de transmitirem esse potencial de energias a outras criaturas que eventualmente estejam necessitando.

A aglutinação dessa força se faz automaticamente e, também, atendendo aos apelos do passista através da prece.

Assim municiado com essa carga, o passista a transmite pela imposição das mãos sobre a cabeça do paciente, com discretos movimentos, sem a necessidade de tocar-lhe o corpo, porque a força se projeta de uma para outra aura, estabelecendo uma verdadeira ponte de ligação.

O fluxo energético se mantém e se projeta à custa da vontade do passista, como também de entidades espirituais desencarnadas que o auxiliam na composição dos fluídos, não havendo, portanto, necessidade de incorporação mediúnica.

O médium age somente sob a influência da entidade e, por isso, não precisa falar aconselhar ou transmitir mensagens concomitantes ao passe.

As forças fluídicas vitais (psíquicas) dependem do estado de saúde do médium e as espirituais do seu grau de desenvolvimento moral.

Daí se conclui que o médium passista deverá estar o mais possível, em perfeito equilíbrio orgânico e moral.


LUCAS DE ALMEIDA MAGALHÃES
CENTRO ESPÍRITA LUZ ETERNA  CELE
Avenida Desembargador Hugo Simas, 137 Bom Retiro
80520-250  Curitiba  Paraná  Brasil
www.cele.org.br cele@cele.org.br
REDAÇÃO: Equipe do CELE